Elétricas

Grupo de discussão geral sobre motos.
Avatar do usuário
Patrick
Motoqueiro
Mensagens: 3283
Registrado em: 26 Dez 2007, 09:42
Localização: Brasília-DF

Re: Elétricas

Mensagem por Patrick » 21 Mai 2019, 18:15

Ticano aqui comprou um patinete elétrico pra ir trabalhar (distância de 11km, acho).
Avatar do usuário
RMD
Dinossauro
Mensagens: 6036
Registrado em: 13 Jan 2008, 13:05

Re: Elétricas

Mensagem por RMD » 22 Mai 2019, 04:52

11km e muita coisa..sera q depois de uns 6 meses a bateria ainda vai aguentar so com uma carga?
BIZ 125 "foguetinha" => CB 500 "Cebolinha" => Intruder 125 "trudinha" => xtz 125k "Smurfete"=>CB 450 DX 89 "Mumm-ra" + Neo 125 "Neovosa" => FZ150 "RBD GAY D+++++" by meu b0feh :roll:
Avatar do usuário
jucie
Motociclista
Mensagens: 1076
Registrado em: 25 Jul 2009, 08:50
Localização: São Paulo - SP? Não Mais!

Re: Elétricas

Mensagem por jucie » 22 Mai 2019, 09:43

Esses patinetes não foram feitos pra andar nas ruas e as ruas não foram feitas pra se andar de patinete.

Os patinetes não têm suspensão, a roda é minúscula. Qualquer travada o usuário cai pra frente. Eles têm o mesmo projeto de um patinete infantil, mas com um motor. Resumindo: esses patinetes foram feitos pra andar em pavimento bom. As ruas têm fissuras, buracos, que estão lá porque são toleradas pelos veículos tradicionais, que têm suspensão, rodas grandes e uma geometria condizente com um piso irregular.

A ideia do uso dos patinetes é interessante, já movimenta bastante gente, mas pra andar na rua eles vão precisar de uma adequação no projeto.
Avatar do usuário
Daninean
Mito
Mensagens: 10797
Registrado em: 26 Mai 2008, 17:10
Localização: Mogi das Cruzes - SP

Re: Elétricas

Mensagem por Daninean » 22 Mai 2019, 09:53

11 kms é fora do propósito do patinete, patinete entendo que deve ser em uso 100% urbano onde o trajeto não passe de 25 kmh
32.000kms + 24.000kms + 21.000kms + 46.127kms + 4.637kms + 63.820kms + 4.951kms + 3.320kms kms e rodando...:bnnd:

Psn: Daninean
Avatar do usuário
Filipe
Dinossauro
Mensagens: 6419
Registrado em: 26 Dez 2007, 13:20
Localização: Florianópolis -SC

Re: Elétricas

Mensagem por Filipe » 25 Mai 2019, 16:16

Daninean escreveu:
21 Mai 2019, 11:06
Acho que no Br deixar liberado só em ciclovia é uma furada.....

Filipe, meu uso seria exatamente esse, complemento de trajeto entre casa e trem e trem x trabalho.

Mas ainda tem o fator esquisitice fora do centro das capitais.
Aqui em Floripa depois que a green espalhou os patinentes pela cidade, o fato esquisitise ja diminuiu, maioria ja acostumou.

Mas gostaria de fazer um test-drive com um principalmente com pneus com camera pra ver se não quicam muito.

Estou indo 2 dias por semana de bike pro trabalho (3km+3km) e minha bike é uma caloi city tour aro 700 (29) com pneu urbano 37 e ja acho que quica pra burro nas crateras.

O problema maior da bike é que perco muito tempo , tirando a bike da capa e do cadeado no no meu predio (fui obrigado a colocar maresia tava acabando com a bike) depois perco mais um tempo prendendo ela no trampo, fora que tenho que levar uma tranca kriptonite em U que pesa uma tonelada, e ainda fico como medo de roubarem as rodas e banco (até tenho cabo de aço, mas é mais uma tranqueira pra levar), a bike não fica na rua, fica no patio de onde trabalho, mas é de livre acesso ao público. E não tem jeito, sempre sua um pouco. O patinete com certeza eu dobraria e colocara dentro do escritório :lol:
jucie escreveu:
21 Mai 2019, 10:32
Tinha gente andando a 40 km/h nas calçadas com essa bagaça. Imagina!
Passou na TV o tombo de uma doida num treco desses que deu até dó.
O povo não tem noção, não. Vê o patinete e acha que é brinquedo.
"Se cair a mamãe vem levantar e passar merthiolate no dodói."
Mas provavelmente ja é e-bike (ou similar) pra chegar nessa velocidade, patinete mesmo tipo esses da xioami e foston de 250w, chegam a 25km/h e sob condições específicas, usando a potência máxima (o que diminui muito a autonomia, o que faz a maioria usar no modo econômico que chega até 18km/h) e se o cabolco não for muito pesado, pois todos esses números de desempenho e autonomia que divulgam são em condições ideais e com uma pessoa não pesando mais que 75kg.
Imagem
FILIPE
[EX] CBR 450 SR 1993 [EX] NXR 125 kS 2004 Bros [EX] XRE 300 ABS 2011
Agora no MSM!
Imagem
AVISO
Por razões de segurança, a gerência agradece que não alimentem as aves.
Obrigado .
Avatar do usuário
Bira
Motoqueiro
Mensagens: 3359
Registrado em: 12 Fev 2015, 11:58
Localização: Guará, DF, Brasil

Re: Elétricas

Mensagem por Bira » 11 Jun 2019, 13:49

Saurus escreveu:
13 Mai 2019, 12:56
Barros_RN escreveu:
13 Mai 2019, 11:40
Scooter elétrica com cara de scooter...
http://voltzmotors.com/home/



$$$$$????
ia falar dela agora, acabei de ver uma matéria. preço em torno de R$ 9.000,00.

https://www.startse.com/noticia/startup ... -eletricas

Autonomia curta (60km), mas suficiente pra deslocamento diário. Bateria portátil, não precisa de tomada na garagem (pra mim é ótimo, leva pro apartamento e carrega lá). Não gostei: velocidade máxima de 60 km/h pode ser adequada para grandes centros urbanos mas brasília é ponto fora da curva... no meu trajeto diário sou obrigado a pegar via expressa (menor limite no trajeto é 70 km/h). Essa motinha aí se chegasse aos seus 80/90km/h seria ideal pra mim.

ah, diferente dos genéricos que o frei citou, que usam bateria de chumbo-ácido, esse aí usa baterias de lítio:

"Mesmo importando o veículo da China, um dos principais desafios enfrentados pela Voltz foi trabalhar com baterias portáteis de lítio. “Até hoje no mercado chinês predominam as scooters de baixa qualidade, que utilizam baterias de chumbo ácido e precisam ser carregadas na garagem. No Brasil não funcionaria, primeiro pela infraestrutura dos prédios e, segundo, pela qualidade dos produtos”, diz Villar. As baterias utilizadas pela Voltz são portáteis, permitindo que sejam retiradas e recarregadas de qualquer lugar."
Abç,
Bira

“A vida é como um jardim. Momentos perfeitos podem ser desfrutados, mas não preservados, exceto na memória.” - Leonard Nimoy (1931-2015)
Avatar do usuário
Saurus
Mito
Mensagens: 18885
Registrado em: 26 Dez 2007, 09:39
Localização: Nova Friburgo e Rio de Janeiro

Re: Elétricas

Mensagem por Saurus » 11 Jun 2019, 13:54

Bira escreveu:
11 Jun 2019, 13:49
...

ia falar dela agora, acabei de ver uma matéria. preço em torno de R$ 9.000,00.

https://www.startse.com/noticia/startup ... -eletricas

Autonomia curta (60km), mas suficiente pra deslocamento diário. Bateria portátil, não precisa de tomada na garagem (pra mim é ótimo, leva pro apartamento e carrega lá). Não gostei: velocidade máxima de 60 km/h pode ser adequada para grandes centros urbanos mas brasília é ponto fora da curva... no meu trajeto diário sou obrigado a pegar via expressa (menor limite no trajeto é 70 km/h). Essa motinha aí se chegasse aos seus 80/90km/h seria ideal pra mim.
Também penso isso. O projeto é bom, mas não é para qualquer trajeto. Para mim, até serviria, mas penso que uma Biz ou um scooter 125~150cc seria ainda beeeem melhor.
Nihil ego fecit. Sic erat cvm ego ad hic.
Ad corniger omnes poena parva est.
Timet farcimen canis icti per serpens.
Non posse avxilivm pertvrbare. Ad participandvm svmmvm est.
Nvllo desiderio qvi pictis zebra mirari reliqvvm tinxere.
Melivs est qvam contendere cooperandi
Avatar do usuário
Bira
Motoqueiro
Mensagens: 3359
Registrado em: 12 Fev 2015, 11:58
Localização: Guará, DF, Brasil

Re: Elétricas

Mensagem por Bira » 11 Jun 2019, 14:20

Saurus escreveu:
11 Jun 2019, 13:54
Bira escreveu:
11 Jun 2019, 13:49
...

ia falar dela agora, acabei de ver uma matéria. preço em torno de R$ 9.000,00.

https://www.startse.com/noticia/startup ... -eletricas

Autonomia curta (60km), mas suficiente pra deslocamento diário. Bateria portátil, não precisa de tomada na garagem (pra mim é ótimo, leva pro apartamento e carrega lá). Não gostei: velocidade máxima de 60 km/h pode ser adequada para grandes centros urbanos mas brasília é ponto fora da curva... no meu trajeto diário sou obrigado a pegar via expressa (menor limite no trajeto é 70 km/h). Essa motinha aí se chegasse aos seus 80/90km/h seria ideal pra mim.
Também penso isso. O projeto é bom, mas não é para qualquer trajeto. Para mim, até serviria, mas penso que uma Biz ou um scooter 125~150cc seria ainda beeeem melhor.
tem uma startup aqui de Brasília que também tá desenvolvendo moto elétrica. a deles já terá mais "cara de moto" e velocidade de 70 km/h.

O que pega é que eles estão buscando um modelo de negócio totalmente diferente, em que a bateria seria propriedade deles e você pagaria uma tarifa mensal para parar nos postos credenciados e trocá-la por uma já carregada. o foco deles vai ser mais de trabalhar com empresas que tenham frotas de moto.

https://origem.xyz/

eu já tive a oportunidade de ver o protótipo de perto, até me ofereceram uma volta mas no dia eu não quis, tava ocupado mexendo na minha moto (eles estão usando a oficina "self-service" Kluster como base).
Abç,
Bira

“A vida é como um jardim. Momentos perfeitos podem ser desfrutados, mas não preservados, exceto na memória.” - Leonard Nimoy (1931-2015)
Avatar do usuário
Bira
Motoqueiro
Mensagens: 3359
Registrado em: 12 Fev 2015, 11:58
Localização: Guará, DF, Brasil

Re: Elétricas

Mensagem por Bira » 11 Jun 2019, 14:33

Esta aqui é bem interessante (versão LX, com baterias de lítio)

http://electro.ind.br/2018/03/05/sport-power-2018

90km de autonomia e velocidade máxima de 80 km/h. Pena que não parece ter a bateria removível que foi o grande "tchan" do modelo da Voltz pra mim.

O que pega: a versão com baterias de lítio custa "só" 26 mil reais. Por esse preço prefiro queimar suco de dinossauro. :lol: :lol:
Abç,
Bira

“A vida é como um jardim. Momentos perfeitos podem ser desfrutados, mas não preservados, exceto na memória.” - Leonard Nimoy (1931-2015)
Avatar do usuário
Saurus
Mito
Mensagens: 18885
Registrado em: 26 Dez 2007, 09:39
Localização: Nova Friburgo e Rio de Janeiro

Re: Elétricas

Mensagem por Saurus » 11 Jun 2019, 14:52

Bira, então, nesse negócio, o que se deveria pagar seria somente a carga da bateria. Se a bateria não for padronizada para uso em qualquer outro veículo à bateria, também não dá para comprar o veículo e a energia ser de outrem.

Ou bem compra-se o veículo completo (com bateria e tudo) ou bem paga-se apenas pelo uso (como um aluguel). Aí entra no caso dos patinetes e das bikes. O consumidor/cliente/usuário não é dono do veículo nem de parte dele, apenas detém a posse e paga pelo uso pelo tempo e/ou trajeto que usar.

Então, a empresa que presta o serviço arca com manutenção, reposição, reparos, tributos, etc. Claro que tudo isso estará embutido no preço final com a devida margem da empresa. Então, o difícil é chegar a um preço que compense para o usuário pagar sem ser proprietário.
Nihil ego fecit. Sic erat cvm ego ad hic.
Ad corniger omnes poena parva est.
Timet farcimen canis icti per serpens.
Non posse avxilivm pertvrbare. Ad participandvm svmmvm est.
Nvllo desiderio qvi pictis zebra mirari reliqvvm tinxere.
Melivs est qvam contendere cooperandi
Nickneo
Roda Presa
Mensagens: 150
Registrado em: 08 Jan 2015, 16:26

Re: Elétricas

Mensagem por Nickneo » 18 Jun 2019, 15:40

Saurus escreveu:
17 Mai 2019, 10:01
Joaquim escreveu:
17 Mai 2019, 09:26
Ou seja, é uma parafusadeira com rodinhas para enganar trouxa.
Eu não vejo que seja um engana trouxa, creio até que seja realmente um ótimo produto. Só que meu senso de preço ou valor (a menos que esteja muito desregulado) me diz que tudo tem "prós" e também tem "contras".

Um MUUV de 2KW é um scooter elétrico que custa na faixa dos R$ 7K e é uma plataforma genérica. A plataforma desse MUUV é a mesma que trocentas outras marcas usam, fabricada por uma ou mais empresas chinesas. Deve ser algum tipo de plataforma "aberta", a qual se importa em milhares de unidades, vendem par trocentos lojistas e cada lojista pode colocar sua marca e grafismos, mas o veículo é o mesmo.

Pois bem, esse tal MUUV e outros iguais com nomes e cores diferentes entregam cerca de metade do desempenho que os anúncios informam.

Um scooter para o mesmo tipo de uso, movido à combustível, motor alternativo, ciclo otto, convencional, mas que te oferece 200, 300 Km de autonomia, gasto de R$ 0,10 a R$ 0,15/ km rodado, com muito mais peças custa apenas um pouco mais que esses MUUV, Voltz, etc.

Ademais, não sei se a bateria desse Voltz é intercambiável, padronizada em seu formato para servir a diversas marcas ou se só encaixa no Voltz. Se der um problema na bateria, como fica para conseguir outra? Quanto custa uma nova bateria? Quanto tempo leva para que a nova bateria chegue até você? O motor do Voltz é um Bosch, isso é positivo, fabricante confiável e tal, mas qualquer assistência técnica Bosch (mesmo que de parafusadeiras e furadeiras estão credenciadas a prestar assistência?

Sei que um motor desse não tem grandes mistérios, qualquer eletrotécnico competente sabe reparar defeitos nele, mas, será que vai encontrar as peças adequadas num loja próxima?

Sei lá. Eu vi o vídeo sobre o Voltz num canal especializado em scooters no Youtube, mas ficou notório que o sujeito levou um jabá legal para fazer anúncio, virou garoto propaganda travestido de especialista sério.

Ainda tenho minhas reservas em relação a esse Voltz. Pode ser que futuramente venha a mudar de opinião, sanar dúvidas, etc e eu mude de opinião, mas, por enquanto, ainda não me convenceu.
Você tava tentando convencer que nao é bom ou que é bom??? voce desqualificou quase todos os contras que apresentou... kkkkk. deu até vontade de comprar uma.
Avatar do usuário
Kuati
Mito
Mensagens: 21852
Registrado em: 24 Dez 2007, 17:24
Localização: Cianorte - PR

Re: Elétricas

Mensagem por Kuati » 18 Jun 2019, 16:01



Curto assunto, já vi trocentos vídeos, e esses monociclos elétricos me parecem que são o trem definitivo.

Comparado ao patinete, sobem guias baixas, andam em terra batida, grama, mais fáceis de guardar, velocidades costumam ser maiores tb.

De contra tem o lance de demorar muito para ficar bom no troço, precisa de muito treino.

[ ]'s
Imagem
Avatar do usuário
Bira
Motoqueiro
Mensagens: 3359
Registrado em: 12 Fev 2015, 11:58
Localização: Guará, DF, Brasil

Re: Elétricas

Mensagem por Bira » 18 Jun 2019, 16:11

Saurus escreveu:
11 Jun 2019, 14:52
Bira, então, nesse negócio, o que se deveria pagar seria somente a carga da bateria. Se a bateria não for padronizada para uso em qualquer outro veículo à bateria, também não dá para comprar o veículo e a energia ser de outrem.

Ou bem compra-se o veículo completo (com bateria e tudo) ou bem paga-se apenas pelo uso (como um aluguel). Aí entra no caso dos patinetes e das bikes. O consumidor/cliente/usuário não é dono do veículo nem de parte dele, apenas detém a posse e paga pelo uso pelo tempo e/ou trajeto que usar.

Então, a empresa que presta o serviço arca com manutenção, reposição, reparos, tributos, etc. Claro que tudo isso estará embutido no preço final com a devida margem da empresa. Então, o difícil é chegar a um preço que compense para o usuário pagar sem ser proprietário.
é um esquema "misto".

o usuário pode carregar sua própria bateria em casa ou na garagem empresa se quiser, mas também teria o "plano" com troca (ilimitada) de baterias em pontos credenciados e alguma tarifa de troca "avulsa" (como uma "taxa de reabastecimento") para os usuários que não optarem pelo modelo de "assinatura mensal". Mas o grande foco seria mesmo no modelo de assinatura, que agregaria serviços como rastreamento em tempo real, por exemplo (muito útil para empresas de logística, que seria a grande clientela da Origem).

a manutenção básica da moto (que no caso da elétrica se resumiria a pneus, freios e suspensão) continuaria por conta do usuário ou poderia ser incluída no plano de assinatura mensal.

a ideia dos caras é justamente focar na sustentabilidade, ampliando a durabilidade das baterias (que seriam recarregadas pela empresa em ambiente controlado, para melhorar a vida útil das mesmas) e a própria destinação das mesmas ao fim de sua vida útil (lembrando, quando a bateria não é boa mais para uso em veículos ela ainda tem capacidade de sobra para uso em aplicações estacionárias por longos anos).

mas como mencionei, a Origem ainda é uma startup, a moto ainda é um protótipo (que acabou de ser homologado para emplacamento, o que permitirá a eles fazer melhores demonstrações do protótipo) e não está a venda. Mas o que é legal dela é que diferentemente dessas scooters com base em plataforma genérica, ela foi totalmente desenvolvida aqui no Brasil.


aliás, essa coisa do custo de rodar "elétrico" pra quem roda muito é bem interessante, não lembro onde foi que li que o Dep. de Polícia de NY fez um estudo: enquanto as viaturas elétricas gastam USD 150,00 e 1 dia paradas por ano em manutenção , as viaturas movidas a suco de dinossauro perdem em média 6 dias paradas e gastam em média USD 1500,00/ano. Multiplique isso pelo tamanho da frota e verá a economia.

"ainnn mas tem o custo das baterias", 1 - lá nos EUA é bem mais barato que aqui, 2 - após 10 anos carro lá é considerado bem descartável de qualquer forma (carro de patrulha geralmente fica 5-6 anos na frota e já é trocado) e 3 - como mencionado, as baterias de lítio ainda são úteis depois que não servem mais para carro, podem ser usadas para armazenamento de energia em aplicações estacionárias como usinas elétricas eólicas ou solares, por períodos BEEEEEEEEEEEEEEEEM MAIS LONGOS, a estimativa de vida útil (considerando bateria "aproveitada" de carro descartado) em torno de 30-40 anos nessas aplicações (os ciclos de carga são mais lentos e controlados e a queda de capacidade com o tempo é menor).

Para quem roda pouco, a menos que os veículos elétricos passem a custar o mesmo que seus similares a gasolina (algo que não vejo ocorrendo antes de 15 anos) , mesmo que a gasolina passe a custar 3x o que custa hoje, ainda não compensa o "investimento". Aliás, a tendência é que quem rode pouco passe a nem ter veículo próprio e passe a usar transporte público ou compartilhado.
Abç,
Bira

“A vida é como um jardim. Momentos perfeitos podem ser desfrutados, mas não preservados, exceto na memória.” - Leonard Nimoy (1931-2015)
Avatar do usuário
Saurus
Mito
Mensagens: 18885
Registrado em: 26 Dez 2007, 09:39
Localização: Nova Friburgo e Rio de Janeiro

Re: Elétricas

Mensagem por Saurus » 18 Jun 2019, 16:35

Nickneo escreveu:
18 Jun 2019, 15:40
Saurus escreveu:
17 Mai 2019, 10:01
Joaquim escreveu:
17 Mai 2019, 09:26
Ou seja, é uma parafusadeira com rodinhas para enganar trouxa.
...Ainda tenho minhas reservas em relação a esse Voltz. Pode ser que futuramente venha a mudar de opinião, sanar dúvidas, etc e eu mude de opinião, mas, por enquanto, ainda não me convenceu.
Você tava tentando convencer que nao é bom ou que é bom??? voce desqualificou quase todos os contras que apresentou... kkkkk. deu até vontade de comprar uma.
Tendeu agora?
Nihil ego fecit. Sic erat cvm ego ad hic.
Ad corniger omnes poena parva est.
Timet farcimen canis icti per serpens.
Non posse avxilivm pertvrbare. Ad participandvm svmmvm est.
Nvllo desiderio qvi pictis zebra mirari reliqvvm tinxere.
Melivs est qvam contendere cooperandi
Avatar do usuário
Joaquim
Dinossauro
Mensagens: 9912
Registrado em: 17 Jul 2008, 08:27
Localização: River Fish - MJ

Re: Elétricas

Mensagem por Joaquim » 18 Jun 2019, 19:06

Kuati escreveu:
18 Jun 2019, 16:01


Curto assunto, já vi trocentos vídeos, e esses monociclos elétricos me parecem que são o trem definitivo.

Comparado ao patinete, sobem guias baixas, andam em terra batida, grama, mais fáceis de guardar, velocidades costumam ser maiores tb.

De contra tem o lance de demorar muito para ficar bom no troço, precisa de muito treino.

[ ]'s
Essa makita a pilha deve ser boa para se apresentar no circo.
"A burrice no Brasil tem um passado glorioso e um futuro promissor." Roberto Campos
Avatar do usuário
RMD
Dinossauro
Mensagens: 6036
Registrado em: 13 Jan 2008, 13:05

Re: Elétricas

Mensagem por RMD » 18 Jun 2019, 21:32

Eu vi uma semana retrasada no centro. O cara tinha um acessório tipo um guidonzinho q prendia na parte de.cima e ficava mais facil de pilotar.
BIZ 125 "foguetinha" => CB 500 "Cebolinha" => Intruder 125 "trudinha" => xtz 125k "Smurfete"=>CB 450 DX 89 "Mumm-ra" + Neo 125 "Neovosa" => FZ150 "RBD GAY D+++++" by meu b0feh :roll:
Avatar do usuário
Helder.soares
Dinossauro
Mensagens: 7897
Registrado em: 09 Jul 2009, 10:10
Localização: Mundo de OZ - SP

Re: Elétricas

Mensagem por Helder.soares » 19 Jun 2019, 08:56

numa cidade com asfalto perfeito, dá pra ir de patins pro trabalho... agora.. em vias cheias de ondulação esse monociclo aí é pessimo.. já usei ele no hill climb racing 2... é um lixo nesse ambiente...kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
"É fazendo merdas que adubamos a história de nossa existência"
Avatar do usuário
RMD
Dinossauro
Mensagens: 6036
Registrado em: 13 Jan 2008, 13:05

Re: Elétricas

Mensagem por RMD » 22 Jun 2019, 22:50

Nokia desenvolve batteria com capacidade 2.5x maior.

From Discover on Google https://www.gizchina.com/2019/06/22/nok ... m-battery/

Qm.sabe isso poderia ser aplicado nos veiculos. Assim teríamos autonomia superiores a 600km
BIZ 125 "foguetinha" => CB 500 "Cebolinha" => Intruder 125 "trudinha" => xtz 125k "Smurfete"=>CB 450 DX 89 "Mumm-ra" + Neo 125 "Neovosa" => FZ150 "RBD GAY D+++++" by meu b0feh :roll:
Avatar do usuário
Kokimoto
Motoqueiro
Mensagens: 3706
Registrado em: 26 Dez 2007, 10:18
Localização: Jundiaí - SP

Re: Elétricas

Mensagem por Kokimoto » 05 Jul 2019, 09:03

Avatar do usuário
Stuka
Motoqueiro
Mensagens: 4726
Registrado em: 24 Dez 2007, 19:30
Localização: Araras/SP

Re: Elétricas

Mensagem por Stuka » 05 Jul 2019, 16:35

Imagem
:-D :-D :-D :-D
Fabio "Stuka"
Responder