Trilha do Madeirite - Serra da bocaina - Rio Claro/RJ a Bana

Área para quem gosta de terra e lama.
Avatar do usuário
RAlves
Motociclista
Mensagens: 1559
Registrado em: 19 Mar 2009, 16:03
Localização: Taubate - SP

Trilha do Madeirite - Serra da bocaina - Rio Claro/RJ a Bana

Mensagem por RAlves » 06 Out 2015, 06:47

Mais fotos no blog
http://rodasebotas.blogspot.com.br/2015 ... caina.html

Sabe aquele rolê que você quer fazer faz tempo mas nunca dá certo? Pra mim era esse!

Imagina quando falaram que iriam "civilizar" a trilha com máquinas!!! me desesperei pra ir fazer logo!

Conseguir uma data que todo mundo pudesse foi outra odisséia. A ponto de que acabaram passando mesmo a máquina em parte de estrada, mas se tentaram melhorar, acho que o tiro saiu pela culatra!

Combinado então no Domingo 04/10, Eu saindo de Taubaté, mais três motos vindo do RJ.

As 6:30 sigo rumo a Rio Claro/RJ, Dutra, pedágios, caminhões e algumas gotas de chuva, e 8:45 cheguei. As 9:00 chegou uma dupla do RJ - O Terceiro ficou dormindo (Led furão kkkk).

Então a formação se efetivava: Eu (Te250 Laranja), Radamés (Te250 Branca) e LMattos (Te250 Cinza) Todos integrantes do Tenereclub.

Seguimos para a entrada da trilha, Leo ia na frente guiando e filmando com a GoPro.

A anta aqui esqueceu o suporte da gopro então nada de vídeo meu... e o Radamés vinha de boa acompanhando.

Nos primeiros Kms de terra uma Hilux antiga e um Troller travavam a passagem. Eles deixaram a gente passar e como agradecimento, o Radamés deu um banho de lama no motorista da hilux.

Algumas poças de lama pelo caminho denunciavam o que a gente encararia na estrada. As marcas de pneu na estrada foram sumindo... a estrada foi ficando lisa... nas subidas parecia que apertávamos a embreagem. Não havia tração. Não sei se comentei, mas ninguém estava de pneus off.

Eu e o LMattos fomos de Enduro 3 Sahara, o Radamés foi de Duratraction +Mitas e07.

Chegamos a uma subida onde simplesmente não conseguíamos andar, patinava pra todo lado. Pensei, dei um embalo e mantive a velocidade. Fui bem, até chegar a curva.

Quando chegamos na primeira porteira as coisas começaram a ficar mais sérias. Facões abertos cheios de água, no meio da pista lama muito mole. O Leo ia pelo meio, eu fui pelo facão e o radamés vinha acompanhando.

Sei que quem é acostumado consegue andar em pé nessas condições, mas eu nem sentado conseguia controlar direito, então mantive assim. Mas tentei não ficar colocando o pé no chão.

A neblina tomava conta do lugar, e nós três usamos óculos de grau... uma beleza. Ninguém enxergava nada... nem andando a 10km/h na trilha.

Foram uns bons kms até uma parada pra lanche no meio do mato. Logo depois a trilha mesmo acabou, virou estrada... e a chuva alcançou a gente. Foi fortalecendo, e quando saímos da Reserva da Bocaina, pegamos o estradão de pedra, eu parei pra "esvaziar o tanque" e aí ficou forte de vez. Botei a parte de cima da capa de chuva e seguimos.

Quando chegamos no asfalto foi a hora que molhou a cueca e aí a moral do combatente acaba. Era cerca de 12:30h.

São 11km de asfalto até Bananal. Comemos numa lanchonete na pracinha do centro, conversamos e logo cada um seguiu seu caminho.

A estrada na volta sem surpresas, asfalto direto, dutra, pedágio, um pouco de chuva e casa!

Um bom banho quente e cama que tava quebrado!

E um lembrete: Fotos a gente só consegue tirar nas partes fáceis... nas difíceis a concentração não deixa!


http://rodasebotas.blogspot.com.br/2015 ... mment-form

Imagem

Imagem

Imagem


Sem moto
Mitsubishi Tr4 4x4 - Tenere de 4 rodas

http://rodasebotas.blogspot.com.br/
Responder